Agência Digital BYDAS

Notícias

Novidades na área da comunicação e tecnologia

Provedores de Internet instados a preservar dados dos usuários

07/08/2013

Fórum, Luanda - O director da Associação do Órgão Reguladores das Comunicações da África (...)
Fórum, Luanda - O director da Associação do Órgão Reguladores das Comunicações da África Austral (CRASA), Antony Chigaazira, instou hoje, quarta-feira, as empresas provedoras de Internet a aprimorar os seus sistemas de segurança, com vista a salvaguardar os dados dos usuários. O responsável fez esta recomendação quando dissertava sobre "Privacidade e Protecção do Consumidor”, no âmbito do 2º Fórum para Governação da Internet da África Austral, que decorre em Luanda sob o tema “Governação da Internet como Base de Sustentação para a Integração Regional da SADC. De acordo com ele, os estão expostos a várias redes, mas a Internet é considerada a mais aberta e é precisamente esta abertura que a torna perigosa. Quanto à questão da privacidade, disse que os têm a obrigação de informar os usuários, que são detentores de direitos à informação, sobre todos os riscos e benefícios a que estão expostos e só quem concorda com eles adere a rede. “A título de exemplo são as praias de nudismo. Só vai quem acha que está disposto a se submeter às suas regras. O mesmo podemos dizer da Internet porque quando se paga por um serviços paga-se sabendo dos benefícios e riscos”, disse. Segundo ele, não é possível escolher um pacote com benefícios sem riscos e apesar dos riscos serem imprevisíveis não se pode esquecer da sua existência. De acordo com o prelector, os devem primar pela segurança e mitigar questões como falta de confidencialidade, uma vez que há situações que vão sempre acontecer e outras podem ser evitadas. Dividido em 8 painéis, o está a ser aborda temas como “Princípios da governação da internet e reforço da cooperação”, “Acesso e diversidade”, “Governação da internet pelo desenvolvimento”, "Segurança, abertura e diversidade", "Gestão de recursos críticos da internet e problemas emergentes". Participam do encontro, que teve início terça-feira e encerra hoje, peritos ligados às telecomunicações de Angola, Moçambique, Tanzânia, RDC, Malawi, Zimbabwe, Swazilândia, Namíbia, Maurícias, Zâmbia e Lesotho.
internetusuáriosfórumluandaprovedores

Necessita de uma solução profissional para eMail Marketing? Recomendamos AWeber Pro!

Mais detalhes